PILATES E SEUS BENEFÍCIOS

Tatiane Maíra de S. Milagres
Tatiane Maíra de S. Milagres

O Pilates foi criado por Joseph H. Pilates, que teve sua infância marcada pela fragilidade de sua saúde (asma, requitismo e febre reumática). Pilates se tornou um grande estudioso de Anatomia, fisiologia, cultura física, entre outros, passando a se dedicar à tarefa de se tornar fisicamente forte e saudável. Aplicou seus conhecimentos para ajudar na reabilitação de pessoas feridas em conseqüência da I Guerra e começou a experimentar exercícios com molas contidas em suas próprias macas. Assim, descobriu que essa poderia ser a maneira de condicionar os pacientes debilitados que ficavam muito tempo deitados. No Brasil, o Pilates surgiu em 1991, quando Alice B. Denovaro trouxe da Califórnia o primeiro Reformer (aparelho de pilates), e introduziu o Pilates na área clínica em Salvador.

Quem pode praticar o Pilates e para que serve ?

Qualquer pessoa pode praticar o Pilates, tendo em vista o acompanhamento de um profissional. O Pilates é uma das melhores atividades para quem deseja aperfeiçoar a musculatura corporal, evitar doenças cardiovasculares, eliminar o estresse ocasionado pela correria do dia a dia, corrigir a postura, aumentar a flexibilidade, estimular a coordenação motora, prevenir fraturas ocasionadas pela osteoporose, melhorar concentração, amenizar dores e estimular a circulação. Enfim, uma infinidade de benefícios que, certamente, auxiliarão seu corpo e sua mente.
Hoje em dia, quem procura o Pilates, o faz, normalmente, por algum desconforto (dores) e/ou recomendação médica. Logo que a pessoa inicia a atividade e a pratica com frequência, ela percebe melhorias em seu corpo, principalmente em: postura, mobilidade e flexibilidade da espinha, melhor distribuição do tônus muscular, fortalecimento do abdômen, estabilidade para a pélvis e ombros, conquista da saúde das articulações, ganho de consciência corporal, melhora de incontinência urinária, melhora do equilíbrio.

Ou seja, Pilates é mais do que uma série de exercícios, é uma filosofia de vida para aqueles que desejam inibir os resultados que o tempo proporciona ao corpo.

Pilates pode e deve ser praticado por quem tem Síndrome da Dor Patelo-femoral (Condromalácia), Hiper Cifose, Hiper Lordose, Escoliose, Hérnias de Disco, Espondilolistese, Osteoporose entre outras.
Essas patologias devem ser cuidadosamente fortalecidas e/ou alongadas, para que diminua o desconforto do indivíduo/aluno e melhore sua postura e fortalecimento. O Pilates é o exercício ideal para quem tem qualquer uma dessas patologias, pois conta com um profissional atento à sua postura durante toda a aula, que lhe passa exercícios de acordo com sua necessidade. Ou seja, específicos para você. Então, se você possui alguma dessas patologias, ou algum desconforto (coluna, joelho, pescoço, ombros, etc..) sempre que for começar sua atividade, o ideal é comunicar o profissional responsável e, se possível, levar algum exame para que o profissional saiba adequar os exercícios para você, para que além de não provocar estresse no lugar onde você possui a lesão/desconforto também possa fortalecer e corrigir (postural) e evitar mais desconforto e uma piora.

Texto:
Tatiane Maíra de S. Milagres – 24 Anos
Graduada em Educação Física, Profissional de Pilates e Personal Trainer

Enjoy Health – Joyce Rodrigues
Atleta de Crossfit (4 na América Latina)
Treinadora PRO BODY SYSTEMS

Rua Rio Grande, 719
Vila Mariana – São Paulo
Tel. 11 2594-5974