O peso das dietas da moda

Quem nunca teve um amigo, conhecido ou alguém da família que perdeu muitos quilos em pouco tempo como num passe de mágica?

O que pouca gente faz é observar se essa pessoa conseguiu manter esses quilos perdidos ao longo dos meses.

O que acontece na maioria das vezes é que essas dietas da moda trazem uma mudança brusca na alimentação do indivíduo, no entanto, manter essas mudanças por muito tempo como um novo estilo de vida nem sempre é tão fácil e muitas vezes nem é aconselhável.

Alimentos como vegetais, frutas e Alimentos como vegetais, frutas e legumes protegem a parede intestinal legumes protegem a parede intestinal da ação de bactérias nocivas e tóxicas

Fazer as pazes com a balança é estar consciente das suas escolhas e entender o que seria o peso ideal ou peso saudável para você. É preciso entender que para manter uma alimentação nutritiva é preciso se planejar, já que nem sempre é possível encontrar esses alimentos em cada esquina ou muito menos na gaveta do escritório.

Mas é preciso compreender que nenhuma alimentação atingirá seu objetivo se os principais órgãos de digestão e absorção não estiverem bem.

Ter um corpo saudável é ir além da dieta, é também entender que o intestino deve funcionar regularmente, que você deverá sentir-se bem ao ingerir os alimentos, é evitar os alimentos que possam estar causando alergias e intolerâncias.

Alimentos com alto teor de colesterol, ricos em gorduras saturadas, provocam um desequilíbrio na fl ora intestinal causando a chamada disbiose.

Ao cuidar da microbiota do intestino você estará facilitando a absorção de diversas vitaminas e minerais e ainda auxiliará as células intestinais a produzirem o hormônio GLP-1 (Glucagon Like Peptide) que auxilia na manutenção da glicemia e da saciedade, ou seja, será possível controlar o apetite, principalmente a avidez por doces.

Mas você deve estar se perguntando, mas como eu faço isso? A resposta é simples: as bactérias intestinais “do bem” se beneficiam quando ingerimos frutas, verduras, grãos integrais e água, e são prejudicadas quando ingerimos excesso de açúcar, gordura, proteína e fazemos uso de antibióticos indiscriminadamente.

Agora, avalie a sua alimentação e reflita sobre as suas escolhas. O importante é saber que o que é bom para você pode não ser o ideal para o seu colega. Construa uma rotina de alimentação saborosa, prática e nutritiva!

Nutricionista Carolina Gava (CRN 15726)
consulta@nutricionistacarolinagava.com.br
nutricionistacarolinagava.com.br
Telefone: 99958-3901

Tags